facebook google + twitter comunidade cadastre-se    sua conta
Saúde da Próstata

NOTÍCIAS

 notícias
 áudios
 vídeos
 busca
 cadastre-se
Notícias

ACESSOS

envolva-se

 

quem somos
o abc da próstata
prostatite
hiperplasia
câncer de próstata
fui diagnosticado
exames grátis
prevenção
notícias
artigos
cadastre-se
sua conta
solicitar palestra
recomendados
fale conosco

 

pacientes

 

família

 

busca
 

NOTÍCIAS


Atenção: O Câncer de Próstata á a doença que mais acomete os homens (05/11/2016)
por Luana Souza

ref.: Diário dos Campos

Dados alarmantes sobre mortes por câncer de próstata em todo o Brasil têm levado os órgãos de saúde a realizarem campanhas de prevenção e conscientização sobre os cuidados que os homens devem ter, principalmente, aqueles com 50 anos ou mais.

Segundo a Secretaria Estadual de Saúde, no Brasil, o câncer de próstata é o que mais acomete o público masculino. São, em média, 61 mil novos casos por ano no país. No Paraná, são estimados 5.260 casos para 2016.

Dados da 3ª Regional de Saúde apontam que em Ponta Grossa, 28 homens morreram em decorrência da doença em 2015. A maioria deles estavam com idades entre 70 e 79 anos. Neste ano, dados preliminares mostraram que 23 foram vitimados por este tipo de câncer.

Se comparado com os últimos dez anos (2005 - 2015), o número de óbitos pela doença, nos municípios atendidos pela 3ª Regional de Saúde, subiu de 34 mortes em 2005 para 47 no ano de 2015. (Veja mais detalhes no quadro abaixo). No Paraná, em 2015, foram registrados 932 óbitos pela doença. Neste ano, já são 668 mortes contabilizadas.

De acordo com o coordenador do Programa Estadual de Saúde do Homem, Rubens Bendlin, homens com mais de 50 anos devem fazer uma visita anual ao médico. Se apresentarem fatores de risco, como histórico familiar de câncer de próstata, obesidade, alimentação inadequada, tabagismo, uso abusivo de álcool ou sedentarismo, essas consultas devem ocorrer a partir dos 45 anos.

Cura

Segundo Bendlin, a única forma de aumentar a possibilidade de cura do câncer é o diagnóstico precoce da doença. "Por isso, aproveitamos o mês de novembro para incentivar os homens a procurar uma Unidade de Saúde”, ressalta.

Ele explica que, caso essa consulta resulte em um diagnóstico que confirme as suspeitas clínicas, o paciente será encaminhado para a realização dos exames de toque retal e PSA (Antígeno Prostático Específico). "É importante lembrar que o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece esse serviço gratuitamente durante o ano todo", garante.

Clique aqui para ver o link.

+ Notícias

03/11/2016 - Novos exames para detecção precoce do câncer de próstata podem diminuir o número de mortes no país
01/11/2016 - Enquanto houver preconceito, muitos morrerão de câncer de próstata
11/05/2016 - Start Up pernambucana cria solução para detectar câncer mais cedo