facebook google + twitter comunidade cadastre-se    sua conta
Saúde da Próstata

A PRÓSTATA

 o "abc" da próstata
 prostatite
 hiperplasia prostática benigna
 câncer de próstata
 câncer de próstata: fui diagnosticado, e agora?
 exames gratuitos
Associação pela Saúde da Próstata

ACESSOS

envolva-se

 

quem somos
o abc da próstata
prostatite
hiperplasia
câncer de próstata
fui diagnosticado
exames grátis
prevenção
notícias
artigos
cadastre-se
sua conta
solicitar palestra
recomendados
fale conosco

 

pacientes

 

família

 

busca
 

PROSTATITE


Todo o material disponibilizado tem caráter informativo, com a finalidade de esclarecer e auxiliar homens, seus familiares e pessoas próximas, na tomada de decisões a respeito de saúde e tratamento da próstata.
Lembre-se que os sintomas originados pelos problemas da próstata são muito semelhantes.
Quaisquer informações não devem ser tomadas como recomendação e um profissional da área deverá ser consultado.

Clique na pergunta para abri-la:
 
O que é prostatite?
 
Sintomas da prostatite.
 
Tipos de prostatites.
 
ref.: SBU-SP

Prostatite bacteriana crônica e aguda
As prostatites bacterianas crônica e aguda são sempre causadas por uma infecção bacteriana na próstata e está relacionada a infecções do trato urinário (infecções urinárias).
A prostatite bacteriana aguda é uma doença febril com início repentino e que apresenta sintomas gerais e do sistema urinário bastante marcantes.
A prostatite bacteriana crônica evolui de modo mais lento e é caracterizada por infecção urinária de difícil tratamento; a infecção é causada pela permanência da bactéria causadora da doença no líquido produzido pela próstata, apesar do tratamento com antibióticos.
A prostatite bacteriana é mais comumente causada por uma bactéria chamada Escherichia Coli, que também é responsável por muitas infecções urinárias. Outras bactérias menos comuns são: Proteus, Klebsiella, Enterobacter, Pseudomonas e Serratia. A maioria das infecções da próstata é causada por apenas um microorganismo, mas pode haver dois ou mais tipos de bactérias ao mesmo tempo. Acredita-se também que uma bactéria chamada Enterococcus fecalis possa causar a prostatite bacteriana crônica.
A prostatite bacteriana se desenvolve a partir da ascensão de uma infecção localizada mais abaixo - na uretra - ou pelo refluxo de urina infectada para os ductos prostáticos (parte da próstata) que se comunicam com a porção mais posterior da uretra. Outras possíveis causas de infecção são: bactérias que habitam o reto (e chegam à próstata diretamente ou através dos nódulos linfáticos) e bactérias que chegam diretamente pela corrente sanguínea (que irriga a próstata).

Prostatite não bacteriana e prostatodinia
A prostatite não bacteriana e a prostatodinia (ou síndrome da dor pélvica crônica) são os tipos mais comuns de prostatite. Estas doenças ocorrem em pacientes que apresentam uma inflamação na próstata, sem, no entanto, terem histórico de infecções do trato urinário por bactérias. A causa da prostatite não bacteriana e da prostatodinia ainda não é totalmente conhecida, mas os sintomas levam a crer que seja uma infecção por microorganismos ainda não identificados ou que ela seja uma doença não infecciosa. Acredita-se também que, com o refluxo da urina, a própria urina possa afetar a próstata, causando tanto a prostatite não bacteriana quanto a prostatodinia.

 
Como deve ser diagnosticada a prostatite?
 
Tratamento da Prostatite.
 
E quais são os outros tipos de prostatite, aqueles menos freqüentes?
 
A prostatite pode causar infertilidade?